quinta-feira, outubro 28, 2021

DESAFIO OUTUBRO

 

Pensei...

Que podia florir e viver eternamente

Sem perder o cheiro a orvalho,

o aveludado das pétalas,

a beleza berrante da cor...

 

Mas sinto que perco...

Nesta batalha impetuosa contra o tempo..

Ou será que não?

POEMA ESCRITO EM 2016


O desafio deste mês é falar de cheiros, de cores intensas, poderosas, de tudo o que nos faz sorrir...

Falem não só de flores, mas também de música, dessa música secreta que nos enche a alma, que nos faz sonhar e dançar na sala vazia...

Obrigatório utilizar no vosso texto, poema as palavras " eternamente" e " impetuosa"...

Boa Sorte....



segunda-feira, outubro 25, 2021

UM SOM QUE SEJA

 

Esta noite…

não quero

que uma palavra,

ou um som que seja…

distraía

o prazer 

no meu corpo…



FOTO DE MADGALENA RUSSOCKA

domingo, outubro 24, 2021

PERFEIÇÃO

 


Não sei…

se este é 

um poema…

ou uma simples divagação…

sobre a minha cor 

favorita…

Que é o Rosa…

Em toda a sua paixão

e perfeição...




FOTO DE SLEVIN AARON

quinta-feira, outubro 21, 2021

FAMINTO



Esta noite…

reescreve-me

no teu abraço…

E, não…

não quero saber…

se repetes 

vezes sem conta

as palavras…

no meu corpo faminto…






 

FOTO DE SLEVIN AARON

quarta-feira, outubro 20, 2021

GLORIOSO

 

Já não sei…

como escrever

um poema glorioso…

Já nem tenho

palavras luminosas, 

memoráveis…

para o escrever….

E até os sonhos…

me abandonaram…



FOTO DE SLEVIN AARON

domingo, outubro 17, 2021

DISCURSOS DE CHUVA (TEMA CHUVA - POEMA 3)

 

Hoje é 

uma noite de chuva…

O palco perfeito

para falar de 

memórias gloriosas

e desejos veementes…

Mas a chuva…

fustiga-me 

com os seus lamentos…

E eu volto... 

a não saber 

por quem

espero….


POEMA ESCRITO EM SETEMBRO 2021

FOTO DE SLEVIN AARON

sexta-feira, outubro 15, 2021

DISCURSOS DE CHUVA (TEMA CHUVA - POEMA 2)

 

Talvez

este seja 

o discurso da chuva...

Um discurso sobre o desejo,

sobre a paixão da vida…

Ou talvez

seja o meu discurso,

o meu lamento…

A minha despedida

do palco…

já vazio de ti...

POEMA ESCRITO EM SETEMBRO 2021


FOTO DE STEFANO BONAZZI