Mensagens

A mostrar mensagens de 2024

ABERTAMENTE (PARTE II)

Imagem
  Não, não posso falar de ti… e expor toda esta mágoa… que se atreve.. a rasgar a Paz… agora perdida.. (talvez?..) para sempre… Poema escrito em Junho 2024 por MV@MartaVinhais@ Foto de autoria de Jessica Drossin

ABERTAMENTE

Imagem
  Não sei… Não sei se me quero… lembrar de ti… e falar abertamente desta dor… que se insinua discretamente em mim… Poema escrito em Junho 2024 por MV@MartaVinhais@ Foto de autoria de Laura Zalenga

SOMBRAS

Imagem
  Não… Já não tenho.. todo o tempo do Mundo  para ti… Há sombras demais… no teu, no meu olhar… E quanto ao Vento?... O Vento continua  escondido algures… E eu?... Pois eu… há muito… que o deixei… de amar… Poema escrito em Junho 2024 por MV@MartaVinhais@ Música de fundo escolhida: " Todo o Tempo do Mundo " de autoria de Rui Veloso e Carlos Tê Foto de autoria de Laura Zalenga

DIA VIOLENTO

Imagem
  Esta noite… nada tenho a dizer… Posso repetir-me, posso inventar palavras, e até, quem sabe?... delinear uma história macabra…. para preencher a inutilidade do tempo… No entanto, sei que me sentiria tão vazia, e tão triste como a Chuva num dia violento…. Poema escrito em Junho 2024 por MV@MartaVinhais@ Foto de autoria de Jessica Drossin

LIMPO

Imagem
  Não… Não sei se é tarde… Porque acredito… (continuo a acreditar…) que este poderá apenas ser um dia calmo, limpo de nuvens… E eu poderei, finalmente… escrever uma crónica sobre um dia cheio de ilusões e sonhos… Poema escrito em Junho 2024  por MV@MartaVinhais@ Foto de autoria de Jessica Drossin

EXTREMA LEVEZA

Imagem
  Pensei… novamente  em palavras… que me fizessem feliz… Escolhi uma, escolhi duas… e desenhei-as várias vezes na areia molhada… num momento de extrema leveza e magia… Poema escrito em Maio 2024 por MV@MartaVinhais@ Foto de autoria do site "DewDrop Poetry"

HORA MÁGICA

Imagem
  I Como posso eu saber... o que acontece após a meia-noite?... Se todos... eu, a Lua e quem diria?... até o Vento... esperamos por ti? II Posso... sei que posso adivinhar.. o que acontecerá antes dessa hora mágica... Meia Noite... a hora em que a Lua e o Vento dançam... num abraço encantado... Poema escrito em Maio de 2024 por MV@MartaVinhais@ Foto de autoria de Jessica Drossin

CASTELOS NO AR

Imagem
  Talvez.... eu desenhe castelos no ar... Talvez... solte as palavras na areia molhada... para que alguém as encontre.. e dê voz a todos os meus pensamentos escondidos... Ou talvez... tudo seja, ou continue a ser uma ilusão... e eu queira apenas fugir das Trevas.... Poema escrito em Maio 2024 por MV@MartaVinhais Foto de autoria de Laura Zalenga

DOCEMENTE

Imagem
  O amanhã… pode já não existir… Mas ainda podemos viver o hoje… Com a tua mão a tactear docemente a minha pele… desafiando uma vez mais a louca paixão de amar… intensa, freneticamente… Poema escrito em Maio de 2024 por MV@MartaVinhais@ Foto de autoria de Leslie Zhang

DUETO AMOROSO III (Proposto pelo Blog Amor Azul)

  N um abraço de envolvência, reiteramos nossa Amizade, com Amor e toda paciência no cordão de permanência. O  ombro amigo é lealdade, casa acolhedora de bondade. aconchego de grande ternura, não nos deixa em má lisura.  A quece corpo, alma, acalma, é gestão do coração amante, dobras de dois sentimentos, em fusão na tal ebulição. É  sinal de sinceros laços, início de todos aquecimentos. Estreitamento das sensações, a urgência é as emoções. Poema proposto pelo Blog " Amor Azul" Posso pensar que perdi tudo E o amanhã ser uma palavra proibida   Se não quero pensar mais que o momento Se nada mais desejo do que te amar no agora O que é que não estou a dizer?   Ou talvez a pergunta seja: Porque é que não me deixas amar-te?..... Poema escrito em 2012 por MV@MartaVinhais@  e escolhido como resposta ao poema acima

ESCULPINDO

Imagem
  O que lamenta a Chuva?... Ninguém escuta os lamentos da Chuva… E, talvez seja esse desprezo que ela (a Chuva) lamenta… Mas o que sei eu?... Se estou igualmente perdida e só…. esculpindo histórias que mais ninguém… (a não ser a Chuva)... lê… Poema escrito em Maio de 2024 por MV@MartaVinhais@ Foto de autoria de Laura Zalenga

VOZ DOS DEUSES

Imagem
  Não falo com a voz dos Deuses... Nem sei já se falo com a minha voz Há tanto tempo que me escondo na sombra, que esta se tornou a minha segunda pele... Talvez a voz seja a dela... Mas as palavras.... As palavras são minhas... Poema escrito em Maio 2015 II Volto a esconder-me na sombra… E ignoro as palavras de alento… para que solte a minha Voz… e fale… Fale simplesmente…. acariciando as palavras que tanto amo… Poema escrito em Maio 2024 Ambos de autoria de MV@MartaVinhais@ Foto de autoria  de "Composites Parkstone Photography"

DESPEDIDA DA NOITE

Imagem
  Medito na despedida da Noite… Deambulo pelo cosmos, e penso num Mundo cheio de cores fortes… Pinto a minha Mente de Laranja, e respiro fundo… Desejando fortemente que o ar, que em mim entra, encha também o Mundo de energia… Poema escrito em Maio 2024  por MV@MartaVinhais@ Foto de autoria de Alex Stoddard

DUETO AMOROSO III (Desafio proposto pelo Blog Amor Azul)

  A lameda de lirismo, paz no coração, amor companheirismo em dedicação. Romantismo em voga... P ercurso de fantasia, em amorização, sentimento de alegria, sintonização. Romantismo sem moda... C aminho de magias em codificação, ternuras afetivas em solidificação. Romantismo revoga?... T rajeto de carinho na edificação, casal sem desalinho, ostentação. Romantismo não acomoda... R umo sinuoso na cidade, concessão. têm cumplicidade, são exceção. Romantismo incomoda... Poema proposto para o Duelo Amoroso pelo Blog " Amor Azul" J á não falo em destino.... Nem em tempo.... Usufruo do tempo... para me reencontrar … Comigo... Com as minhas memórias... Com os sonhos que ainda tenho... A praia foi sempre o meu destino favorito.. É sempre uma página em branco... E hoje, um dia frio, mas com luz, está vazia,  perfeita para abraçar os meus sonhos... Nunca pensei que alguém estaria igualmente  a rabiscar histórias no areal.... Contudo, apenas trocamos um sorriso  e continuamos a andar pela