sexta-feira, dezembro 02, 2022

CONFIDÊNCIA



Hoje, perdi-me….

na sofreguidão

da tua boca…

E o meu corpo

rendeu-se

novamente

ao teu…

Num suspiro,

numa confidência,

num sussurro…



Dezembro 2022





IMAGEM DE BROOKE SHADEN

quinta-feira, dezembro 01, 2022

MEIA NOITE

 

O que acontece…

depois da Meia Noite?...

Talvez…

nem a Lua saiba…

Já que o Vento

lhe roubou

o papel principal…


Novembro 2022



FOTO " SUNSET EMBRACE" HARV GREENBERG

terça-feira, novembro 29, 2022

IMAGENS

 

Pensei…

Pensei em tudo

o que escrevi…

em tudo

que ainda possa

escrever…

E depois…

depois compreendi…

que todos os poemas,

e todas as palavras,

são as imagens

difundidas

pelo espelho

da Minha Vida….


Novembro 2022


FOTO DE CATRIN WELS STEIN

segunda-feira, novembro 28, 2022

DESAFIO DE NOVEMBRO


O amor é cego e matou-me.

Naquele ano, naquele dia, naquela hora...
Quando finalmente te confrontei e percebi que nunca gostaste de mim.
Fui apenas um joguete nas tuas mãos, um meio para atingir um fim e todas as palavras que me disseste eram falsas.
Estou destroçada...
Sinto-me humilhada...
Mas é a fúria que me corrompe a alma que me assusta verdadeiramente...
Porque agora eu grito..
Bem alto e só pergunto: Onde errei?
Ter acreditado em todas as histórias que me contaste e que agora sei que são mentiras?
Ou porque ignorei a voz dos outros, afastei-os do meu caminho para me dedicar a ti?
Sinto vergonha de mim... 
Das palavras ofensivas com que destruí as amizades de outrora... 
Da solidão que enche a minha vida...
Por minha culpa... 
Porque te quis amar por completo... 
Porque o amor tem que ser assim...
Mas nunca pensei que alguém pudesse ser tão egoísta, que só se amasse a si próprio e que maltratasse tanto os outros.
Vejo as horas que perdi à tua espera, as horas que não vivi por mim...
Os amigos de quem me afastei e que não me conhecem... 
Tratam-me como se fosse uma estranha....
E não sei o que fazer... O que dizer...
Porque fui cega por amor e deixei que me matasse...
Enquanto que tu continuas por aí, vaidoso e egoísta...

TEXTO ESCRITO EM MAIO DE 2015 - RESPOSTA AO TEMA " QUANDO O AMOR É CEGO"


O desafio deste mês é:

A partir das palavras em negrito escrever um texto, um poema, um comentário sobre o amor e o desamor.

Já sabem as regras...

Boa Sorte...