domingo, novembro 28, 2021

DESAFIO NOVEMBRO

 

Sou um viajante 
ou prisioneiro no tempo?

Não sei o que aconteceu
Porque estou aqui,
sentado, debaixo do tempo

Tenho memórias
Saudades doutro tempo
Em que não me sentia tão só
Em que sabia nomes
Conhecia sorrisos
Partilhava segredos

Hoje
vivo debaixo do tempo
Completamente fora de tempo

POEMA ESCRITO E PUBLICADO EM 2012

O desafio deste mês é simples:

A palavra chave do poema é " tempo " mas não é sobre o tempo que devem escrever.

A partir das palavras " viajante" e " prisioneiro", escrevam um pequeno texto/poema/comentário sobre o que nos liberta e o que nos prende à vida, ao Mundo.

Obrigatório começar o texto/poema/comentário:

" Não sei o que aconteceu"....

Boa Sorte


7 comentários:

chica disse...

Muito lindo o teu poema e tua proposta,Marta! Deixei aqui minha participação:

https://duascabecase.blogspot.com/2021/11/viajante-do-tempo.html

beijos, lindo domingo! chica

" R y k @ r d o " disse...

"" Não sei o que me aconteceu, ou a razão, porque decidi regressar à minha vida normal, deixando de ser VIAJANTE, quiçá PRISIONEIRO do destino "".
.
Um domingo feliz …. Abraço e/ou beijinho.
.
Pensamentos e Devaneios Poéticos

Marli Soares Borges disse...

Querida Marta.
Adorei o poema e a proposta.
Os viajantes, os prisioneiros e o tempo.
Dependendo das circunstâncias, os viajantes serão prisioneiros e os prisioneiros poderão serem viajantes. Mas para que tudo faça sentido, há que estar presente o tempo e suas inúmeras conexões.
Bjs,
Marli

Roselia Bezerra disse...

Bom.dia de paz, querida amiga Marta!
Instigante desafio mensal que adoro participar.
Tenha uma nova semana abençoada!
Trago minha participação, com carinho:
https://www.escritosdalma.com.br/2021/11/viajante-do-tempo.html
Tenha uma nova semana abençoada!
Beijinhos carinhosos e fraternos

Verena disse...

Lindíssimo poema, Marta
A proposta muito me agradou.
Participando aqui: https://interagindocomosbichinhos.blogspot.com/2021/11/desafio-novembro-marta-vinhais.html
Um carinhoso abraço
Verena.

Toninho disse...

Bem bolado desafio com este belo poema como base Marta.
Levei proposta e postarei minha simples participação nesta quarta-feira no mineirinho, acho que fiz o pedido no desafio.

https://mineirinho-passaredo.blogspot.com/

Beijo

José Alex Gandum disse...

Não sei o que aconteceu mas um viajante muitas vezes é prisioneiro dos lugares que procura... e quantas vezes não encontra...