quinta-feira, agosto 18, 2022

APAGAR O SILÊNCIO (POEMA DE 2009)


Escrevo-te ...

Porque me sinto só……….

Tenho tempo para preencher ….


Tal como a Mrs Dalloway,

preciso de apagar o silêncio….

Afugentar medos e desanuviar hesitações….

Gritar bem alto ….

Numa frustração que nem sempre consigo ultrapassar….

E que dói….


Escrevo-te

....Porque as palavras fluem

Em mim…

Nesse meu coração…

Que se revolta contra o “luto”

Um “luto”....

imposto por uma paixão desperdiçada….


Escrevo-te

.......Porque arranco agora esse véu negro….

Fecho a porta com estrondo….

O que fica espalhado pelo chão….

Fica espalhado pelo chão….


Porque hoje….

Eu só escrevo…….

E escrevo sem “lutos” e sem silêncios……….


E se repito as palavras….

É porque estas são sempre um recomeço………….


POEMA ESCRITO E PUBLICADO EM 2009


7 comentários:

Jaime Portela disse...

Uma paixão desperdiçada tem o seu luto.
Mas ele um dia acaba...
Excelente poema, os meus aplausos.
Continuação de boa semana, amiga Marta.
Um beijo.

- R y k @ r d o - disse...

Poema muito bonito. Pergunto: Porque razão publicar poemas tão antigos? Não existem novos?
.
Cumprimentos cordiais e poéticos
.
Pensamentos e Devaneios Poéticos
.

Cidália Ferreira disse...

Tão interessante!! :))
-
A vida, é como uma janela aberta ...

Beijos. Boa Quinta-Feira!

Perception in The Night disse...

I silenzi hanno sempre un loro perché, sono stanze isolate, uno stato emotivo importante, solo noi possiamo cogliere la meraviglia di tutto questo per rigenerarci, per capire cosa sia importante. Una poesia bellissima, un abbraccio Marta.

Roselia Bezerra disse...

Um “luto”....
imposto por uma paixão desperdiçada….

Querida amiga Marta!
Você escreve de uma maneira a ler nossos sentimentos mais íntimos.
Palavras repetidas... Sentimentos continuados... Que não se esvaem.
Tenha um final de semana abençoado!
Beijinhos com carinho fratern😘🕊️💙💐

Paula Saraiva disse...

Lindíssimo poema.
Adorei
Beijinhos

Sonhadora (Rosa Maria) disse...

Minha querida... Eu costumo dizer que a paixão é como uma tempestade, só quando termina se vê os estragos. Um beijinho e bom Domingo