quinta-feira, janeiro 20, 2005

MOTIVO

"
Eu canto porque o instante existe
e a minha vida está completa.
Não sou alegre nem sou triste:
Sou poeta.

"
Um pequeno excerto do poema "Motivo" de Cecília Meireles, que escolhi porque hoje não estou de "luto".
Quero dizer, sinto-me "completa".
Não é que esteja a viver uma grande paixão, integrada num grande projecto ou a planear uma viagem exótica.
Nada disso!
Estou apenas a ser eu - calma, confiante e com esperança!!!

segunda-feira, janeiro 17, 2005

5 LETRAS

"Amo-te". Cinco letras pequeninas,
Folhas leves e tenras de boninas.
Um poema d'Amor e felicidade!
Não queres mandar-me esta palavra apenas?
Olha, manda então..brandas...serenas
Cinco pétalas roxas de saudade.."
do poema da Florbela Espanca, "Escreve-me"
Foi o que sempre esperei e o que nunca disseste!
Nem uma rosa ou um bombom me ofereceste!
Apenas dor.....porque nem honesto foste!
Continuo sem decidir se te devo odiar ou simplesmente ignorar!!
Porque nunca vou esquecer esta dor!