terça-feira, maio 23, 2006

FAZER COM O TEMPO


Pequena elegia chamada domingo

O domingo era uma coisa pequena.
Uma coisa tão pequena
que cabia inteirinha nos teus olhos.
Nas tuas mãos
estavam os montes e os rios
e as nuvens.
Mas as rosas,
as rosas estavam na tua boca.

Eugénio de Andrade - "As Mãos e os Frutos"
O meu comentário?
Tudo se torna pequeno quando o amor enche o nosso coração.
Até o domingo se torna enfadonho quando tu não estás por perto!
Porque ficamos despidos, sem saber o que fazer mais com o tempo!