quinta-feira, setembro 08, 2005

UM DIA DE OIRO


Espero sempre por ti o dia inteiro,
Quando na praia sobe de cinza e oiro,
O nevoeiro,
E há em todas as coisas o agoiro
De uma fantástica vinda

de Sophia de Mello Breyner Andresen

A promessa de um dia de sol,
a vinda de alguém que não vemos há anos,
o regresso a casa do amor, do filho, da irmã
ou mesmo o nosso.
Quando se dissipa o nevoeiro, tal como a Sophia diz, alguma coisa dourada fica!