sábado, abril 28, 2012

VIVER FELIZ


Sempre gostei deste canto do jardim
Mas a escadaria não estava partida
Nem as heras tão crescidas

Passei horas aqui
A fingir que era uma princesa
Esquecida num reino distante
Mas rodeada de magia que vive
Nas histórias que agora escrevo

Sobre essa princesa triste
Que tão triste assim não é
Porque viveu feliz aqui
Neste canto de jardim





FOTO CEDIDA POR JOÃO MATEUS (FACEBOOK)

segunda-feira, abril 23, 2012

NÃO SEI


Faço anos e a Mãe quis que eu convidasse todos os miúdos
da vizinhança para a festa.

Até mesmo as meninas, o que vai estragar todos os meus planos para o dia.

É que a Luisinha é muito “chata”; não gosta de brincar às escondidas,
nem aos polícias e ladrões e começa logo a chorar se alguém a empurra.

A Mãe diz que há muitos jogos em que as meninas podem participar, mas o que
eu gosto mesmo é tentar conquistar o forte aos índios, com muitos tiros e muito sangue.

Mas as meninas são estranhas - estão sempre preocupadas com o vestido e o penteado...
Detestam a vida ao ar livre, a correr com o Vento.

Se deixar a Luisinha sozinha, a minha Mãe vai ficar muito zangada comigo....

Não sei mesmo o que fazer....  






IMAGEM DE ORKUT