sexta-feira, março 20, 2009

ACONTECE

Murmúrio



mas também vaga afluência



neste lugar permanentemente errante.



Ouve-se respirar o que sem nos chamar nos interpela



ou nos reconcilia.
*
Nós não sabemos o que é a sombra



e por demais sabemos



quando ela ocupa o espaço interior



seja uma palavra, uma recordação ou o olvido.



Onde está o acorde



ou a abrupta harmonia



que a converta no fulgor de um deslumbramento




António Ramos Rosa


O meu comentário???


Em nós...

No nosso olhar...

Na forma como seduzimos....


A sombra...

Refresca-nos nas margens...

Há quem pense que nunca chegará a essa margem...

Onde tudo parece acontecer....


Há quem chegue e fique desiludido....

A palavra, a recordação, o esquecimento....

Acontece realmente....


Só nós é que sabemos a verdade do que queremos

Falar, recordar ou esquecer....

Nos murmúrios do tempo.........

segunda-feira, março 16, 2009

DÚVIDAS

De mais ninguém, senão de ti, preciso:
Do teu sereno olhar,
Do teu sorriso,
Da tua mão pousada no meu ombro.
Ouvir-te murmurar: -
"Espera e confia!"
E sentir converter-se em harmonia,
O que era, dantes, confusão e assombro
Amizade de Carlos Queirós
(Livro "366 Poemas que falam de amor" escolhidos por Vasco Graça Moura)
O meu comentário???
Por vezes, estamos perdidos...
Pensamos que nunca teremos coragem para mudar...
O que uma simples palavra pode fazer por nós...
Numa voz que adoramos...
Num rosto amigo...
Confiança...
O preto acaba por não ser tão preto...
A janela acaba por abrir por completo...
A brisa é fresca e os cheiros são mais intensos....
O teu sorriso passa agora a ser o nosso sorriso....
As dúvidas???
Afinal, o que é que são as dúvidas???