quarta-feira, maio 19, 2010

TÉDIO

Pode haver um dia
em que a poesia
mude de endereço
deixe apenas tédio
mas enquanto isso
vem brincar comigo
vamos até onde
possa ser riso
possa ir tão longe
possa ser tão lindo
pode ser brinquedo
pode ser tão sério
De Alice Ruiz
O meu comentário???
Tenho saudades...
Da beleza...
Da simplicidade...
Do riso franco...
De aventuras...
Enfim, do tempo
em que se desconhecia o tédio...
A tristeza e a maldade...
Corrompem as palavras
e cansam realmente a poesia...
Como, às vezes,
os meus versos contam....

5 comentários:

Graça Pires disse...

É preciso eliminar o tédio porque como dizes "A tristeza e a maldade...
Corrompem as palavras
e cansam realmente a poesia...
Um beijo

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Boa noite, querida. Amei***** Lindo, como você.
Não deu pra vir antes neste teu cantinho.
I love you*****



Flores do amor

Poema da Renata






Sai de cena o frio, entra a primavera.


O sol num riso límpido não tardou


a dar vida e colorido à esfera.


A terra é tatuada de luz e cor.






Na planície azul dos corações


uma nuvem branca se derrama


sobre os rubros botões das emoções,


cingindo de brilhos a densa rama.






Pássaros com asas de serenidade


galgam o mais alto da imensidade


e os desejos de amor vão se elevando.





Nos negros olhos da amplidão, subindo,


raios de luz que a terra vai vestindo,


e a flor do amor no peito fecundando.

Beijossss

Silenciosamente ouvindo... disse...

É preciso realmente re(acreditar)nas pessoas e no riso franco...
embora reconheça esteja difícil.
Gostei de estar aqui. Se quiser
passar pelos meus...
Um bom domingo.Bj./Irene

Je Vois la Vie en Vert disse...

Espero que hoje é um dia de pura alegria !
Muitos parabéns, querida Marta e muitos beijinhos carinhosos da tua amiga

Verdinha

AnaMar (pseudónimo) disse...

¸¸♥*•♪♫•*♥•♪♫•*¨*•.¸¸♥Mesmo que o tédio se insatale, façamos com que dure pouco. E nesses instantes é quando a beleza do que é dinâmico, activo, em sorrisos gargalhadas, canções, musica dançada, é quando tudo isto domina os maus momentos, tédio, tristeza, desilusão.
A magia da poesia que a alma abraça.
Um beijo*•♪♫•*♥•♪♫•*¨*•.