domingo, março 11, 2012

GLORIOSO

Posso ser um dragão no céu
Um cavalo alado
O que quiseres

Posso ser o teu amigo imaginário
Nas horas mais felizes da tua infância
Depois esquecido

Posso ser apenas um prémio
Um fim de tarde glorioso
Um click memorável
Inesquecível

De um dragão ou um cavalo alado
Numa fantasia de infância


FOTO DE AUTORIA DE JOSÉ ALEX GANDUM

5 comentários:

Sofá Amarelo disse...

As nuvens podem ser o que nós quisermos, basta olhar e imaginar. Elas têm as formas dos sonhos infinitos trazidos no desenho moldados pleas brisas e pelos ventos...

Je Vois La Vie en Vert disse...

Seja lá o que for, é lindo !

Beijinhos
Verdinha

Sandra disse...

Aos olhos do poeta também as nuvens permitem fantasiar...
beijo

tecas disse...

Pode ser tudo na glória deste belo poema.
Lindo!
Muito obrigada pela sua presença, querida amiga Marta, no meu blog e desculpe as minhas ausências. Nem sempre...
Beijinho amigo e uma flor.

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

Pode ser o que quisermos...o tempo! O nosso maior aliado é assim considerado muitas vezes. Traz-nos os momentos do passado...aqueles que quisermos reviver; pode trazer-nos a paz se estivermos dispostos a parar o relógio e ficarmos perdidos nesse tempo...meditando...recordando...conversando com o nosso eu. Pode também trazer-nos alguma amargura em momentos sofridos, mas ao mesmo tempo ele tem o poder imenso de curar essas feridas; é só darmos-lhes tempo; é que o tempo também precisa de tempo e nós temos sempre muita pressa e não lhes damos esse tempo; maltratamos o tempo tantas vezes não apreciando o tempo que o tempo nos dá. E um dia...quando pararmos para pensar, vemos que ele nos foge por entre os dedos e já não somos capazes de o agarrar. Foi-se o tempo!!!
E agora é tempo de te desejar boa noite e de te agradecer a partilha do teu GLORIOSO tempo. Um beijinho
Emília