sábado, maio 12, 2012

MEUS


Não gosto de sombras
E nunca fico presa

Contorno
Escavo
Moldo
Teço
Os caminhos

Da vida
Do Mundo
Ou apenas meus


FOTO DE JOSÉ ALEX GANDUM


3 comentários:

© Piedade Araújo Sol disse...

a coerência num poema.

um beij

Sofá Amarelo disse...

As sombras perseguem-nos mas se quisermos há sempre um meio de as contornar, ludibriar, moldar os caminhos onde as sombras sejam apenas parte natural do mundo!

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Martamiga

Que dizer mais? Para quê mais Palavras? Ficam os sentimentos, porque tu nunca ficas presa; prendes-me (nos)

Qjs