sexta-feira, agosto 23, 2013

COM A BRISA



Posso deixar as janelas abertas...

Que a brisa entre,
lenta, 
docemente...
Traga fantasia,
sonhos perfeitos....

Esta noite,
nada pode ser imperfeito....

Porque me quero sentir perfeita....


Da página “Discover Art”

2 comentários:

Daniel Costa disse...

Marta

A brisa é sempre portadora da e suavidade, dessa sempre se pode partir para um amor tranquilo.
Beijos

AC disse...

De lá para cá, receptiva às coisas da vida...

Beijo :)