sexta-feira, janeiro 10, 2014

ANTES



Esta noite
Antes que o Vento se levante
Antes que a chuva dance na vidraça
Quero ouvir,
sentir
a tua voz em mim
Sofregamente….


DE AUTOR DESCONHECIDO

6 comentários:

Graça Pires disse...

Singelo e cheio de beleza este poema. Gostei imenso.
Um beijo.

Emília Pinto e Hermínia Lopes disse...

Às vezes temos mesmo que dizer " basta...já chega; outras vezes apetece-nos fazê-lo, mas reconsideramos e chegamos à conclusão que não vale a pena; o melhor será respirar bem fundo e ficar junto da janela ver o vento a levantar-se...a chuva a dançar na vidraça e ouvir...sentir o nosso coração que nos acalma. Fugir para quê? muitas vezes o que nos amedronta...o que nos preocupa...o que nos choca vai atrás de nós e por isso é melhor deixarmo-nos embalar pelos ruídos da natureza que, embora por vezes assustadores, são belos e acabam por nos deixar um sentimento de quietude . Bela poesia; Marta; na sua simplicidade há sempre uma mensagem que nos enriquece. Beijinhos e fica bem!
Emília

Sofá Amarelo disse...

"Esta noite leva-me a dançar, leva-me ao Paraíso..."
http://www.youtube.com/watch?v=k8MRIKPpqx4
(Santos e Pecadores)

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

Um poema que é um hino ao amor. Adorei.
Votos de Feliz 2014, pleno de paz e amor.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

JP disse...

De todos os momentos se aproveita o amor...e em todos os momentos o devemos aproveitar.

Beijinho

Secreta disse...

Sentir, mais do que ouvir, o Amor.
Beijinhos.