terça-feira, fevereiro 09, 2016

UMA LÁGRIMA




Esta é a história de uma lágrima
Uma lágrima teimosa, pesada
que ninguém consegue disfarçar
Que rola lentamente pela face,
marca silenciosamente a pele
e desaparece amargamente no canto da boca

É o que os outros vêem

Mas só eu e a lágrima...
Sabemos o que aconteceu verdadeiramente
para que ela se escreva na pele...


DA PÁGINA DISCOVER ART

6 comentários:

Mar Arável disse...

Há lágrimas assim
rios fundos

Daniel Costa disse...

O poema confirma que pode deduzir-se que uma lágrima faz nascer uma história, quantas vezes de alegria.
Beijos

Jaime Portela disse...

As causas de uma lágrima podem ser tantas...
Excelente poema, minha querida amiga, parabéns pelo talento criativo que estas palavras revelam.
Marta, continuação de boa semana.
Beijo.

Sofá Amarelo disse...

Cada lágrima tem uma história que poderia encher muitas páginas de livros... pois aquilo que os outros vêem é apenas a face transparente de uma lágrima...

Ailime disse...

Bom dia Marta,
Um poema tão belo.
A lágrima e a cumplicidade do Poeta.
Bjs e óptimo domingo
Ailime

© Piedade Araújo Sol disse...

a lágrima pode ser muito intimista, eu acho que é, sempre...
beijinho
:)