quinta-feira, julho 27, 2017

PALAVRAS EM MIM



Esta noite
Espreguiço-me em ti
Com memórias de ti,
do teu cheiro,
do teu toque…
Sem que haja palavras
que as descrevam em mim...




DA PÁGINA "DISCOVER ART"


4 comentários:

Jaime Portela disse...

E como é bom o espreguiçar...
Belo poema, gostei imenso.
Querida amiga Marta, um bom fim de semana.
Ou boas férias, se for o caso.
Beijo.

Franziska disse...

Sem que haja palavras
que as descrevam em mim...

un sentimiento que demuestra como el amaor no es sino un espacio para el dolor y la duda.

La única verdad que tenemos es la certidumbre de que amamos y, en verdad, es lo único que importa.

Uma boa semana. Obrigada oeka visita. Franziska

Sofá Amarelo disse...

Palavras não são precisas quando a noite chega e se enche de memórias, cheiros e toques... e espreguiçar prolonga as palavras que descrevem a noite...

Agostinho disse...

No espreguiçar de memórias sente-se quase o rubor da pele ardente.
Di-lo a poesia.

Vi.