sexta-feira, abril 28, 2006

CURTAS PALAVRAS

É urgente o amor
É urgente um barco no mar
É urgente destruir curtas palavras,
ódio, solidão e crueldade,
alguns lamentos, muitas espadas
Urgentemente - Eugénio de Andrade

O meu comentário?

Há palavras que não podem ser destruídas; têm raizes profundas e insinuam-se cada vez que encontram uma brecha.
Resta apenas que o amor continue a conquistar o terreno e a reparar as brechas.

1 comentário:

AS disse...

Se o amor for verdadeiro, algumas brechas serão reparadas...

Um beijo...