quarta-feira, outubro 25, 2006

MENSAGEM DAS GOTAS

As coisas mais simples, ouço-as
no intervalo do vento, quando um
simples bater de chuva nos vidros
rompe o silêncio da noite, e o
seu ritmo se sobrepõe ao das palavras
Poema de Nuno Júdice - As coisas mais simples

O meu comentário??
Há mais alguma coisa a acrescentar?
A sentir?
Estar-se sentada, aconchegada,
abraçada a quem amamos...
Sonhar com uma música,
cantarolar versos sem rima....
Para quê perder tempo
a procurar coisas sofisticadas,
quando a beleza está efectivamente
em ouvir a mensagem
que as gotas de chuva escrevem na janela??

2 comentários:

Alexandre disse...

As gotas de chuva deixaram uma mensagem nos vidros da tua janela:
Um Beijo de Boa Noite!

Beijokas!

ConchitaMachado disse...

Adorei seu texto/poema!

- A chuva caindo na janela escrevendo mensagens...poemas e... talvez cantando...
Achei belíssimo!

Também apreciei "As Palavras"!
(supracitadas)

Linda semana desejo, Marta
Seja Bem-Vinda
Beijinho