domingo, fevereiro 04, 2007

ESTAR PRESENTES

Mãos dadas

Não serei o poeta de um mundo caduco.
Também não cantarei o mundo futuro.
Estou preso à vida e olho meus companheiros
Estão taciturnos mas nutrem grandes esperanças.
Entre eles, considere a enorme realidade.
O presente é tão grande, não nos afastemos.
Não nos afastemos muito, vamos de mãos dadas.
Não serei o cantor de uma mulher, de uma história.
Não direi suspiros ao anoitecer, a paisagem vista na janela.
Não distribuirei entorpecentes ou cartas de suicida.
Não fugirei para ilhas nem serei raptado por serafins.
O tempo é a minha matéria, o tempo presente, os homens presentes, a vida presente.
de Carlos Drummond de Andrade
O meu comentário??
Afastar-nos do presente é deixar que a vida evolua sem nós...
Nós fazemos parte da vida, do tempo...
Dos risos, dos choros....
A vida é muito mais do que a paisagem que vemos pela janela...
É sair e mergulharmos na paisagem, sentir os cheiros e o sol.............
É estar realmente presentes....................................

2 comentários:

Cavaleiro disse...

Infelizmente nem todos pensam assim, pois por estarem descontentes com o presente, vivem para o futuro ou vegetam no passado, nunca apreciando as coisas q estão mm à sua frente...

Bj terno
Cav

* White Roses Princess* disse...

o poema é fantastico..alias gosto muito da poesia do Carlos Drummond de Andrade =)

poesia irreverente e xeia de mistérios..incrivel

******************


*White Roses Princess*