terça-feira, fevereiro 27, 2007

REAL


Cá Fora

Abre a porta e caminha
Cá fora
Na nitidez salina do real

de Sophia de Mello Breyner

O meu comentário??
Negar as lágrimas??? Impossível!!!
Mas há momentos em que nos podemos deliciar com o mel......
Ou trincar um morango....
Espalhar doce no pão quente............
E abraçar alguém fortemente,
transmitindo-lhe calor, carinho e amor..........
Ao sol, à chuva.......
Qualquer lugar, qualquer altura.........
Também isso é muito real........

2 comentários:

Thunder disse...

Gosto desta escritora. Mas aprecio mais os seus contos infantis do que os seus poemas. No entanto, tem poemas muito bonitos!

Bel disse...

Tenho que confessar que sou de lágrima fácil, loucura consentida.
Gosto dos seus poemas tem alma.
jinhos