domingo, novembro 04, 2007

LUTAR

Fio


No fio da respiração,

rola a minha vida monótona,

rola o peso do meu coração.


Tu não vês o jogo perdendo-se

como as palavras de uma canção.


Passas longe, entre nuvens rápidas,

com tantas estrelas na mão...


— Para que serve o fio trêmulo

em que rola o meu coração?


Cecília Meireles


O meu comentário??

Para viver intensamente....

Sem se preocupar se há jogos ou não....

Lutar contra essa monotonia...

por vezes mais forte que nós....

......que se instala...

Tentar alcançar as estrelas,

acompanhar as nuvens....

Parar apenas

para que o coração se encha

de força e de vontade...

De lutar até ao fim....

5 comentários:

Sol da meia noite disse...

Desculpa-me o que aqui vou deixar, mas acho que traçaste com palavras o caminho da ilusão. E a ilusão, Marta, acaba em desilusão.
Fica sempre atenta ao mais dissimulado dos jogos, o pior, aquele que te faz ver sentimento onde apenas há a necessidade... a parte animal do humano.

Não inventes o sofrimento, com as cores do arco-íris.
Desculpa-me.
Beijinhos!!!

Maria Clarinda disse...

"Parar apenas


para que o coração se encha


de força e de vontade...


De lutar até ao fim"


Por vezes é tão dificil, seguir este caminho.
Jinhos mil

Alexandre disse...

E lutar até ao fim é sempre aquilo que nos resta... todos os corações rolam em fio trémulo porque frágil é a nossa existência...

Deco disse...

As vezes nem é preciso tanta luta... O amor é natural, vem com o tempo e se esvai na ilusão. Bjo

Entre linhas... disse...

Lutar até ao como objectivo determinado,pior quando as forças escasseiam...
Bjs Zita