segunda-feira, setembro 21, 2009

ESCUTAR DESEJOS

Quanto tempo tem o tempo para me dar?




Um instante?




A eternidade?




Apenas a saudade?








Quanto tempo é um instante?




Quanto dura a eternidade?




Quando tempo é saudade?








Quanto tempo é bastante?




Quanto tempo soube amar?




Quanto tempo o tempo tem?




Quanto tempo para me dar?








de Filipe Campos Melo - "Quanto tempo o tempo tem"




do Livro "Na Utopia, Sou Profeta"






O meu comentário???




O tempo?

São memórias felizes,

mesmo que embrulhadas na saudade.

Um tempo,

sem segredos.

Á escuta apenas de desejos.

E esses (os desejos),

sim,

são eternos..



5 comentários:

Jacarée disse...

O Tempo e o Amor!
O despertador, dos som dos violinos
Horas... horas longas
Horas de alegria, horas de felicidade...
Mais uns minutos de sonhos
à volta tudo se ilumina num perfeito intemporal.
Bjs. Otima semana.

uminuto disse...

também o tempo é eterno em nós. a nossa eternidade
um beijo

AnaMar (pseudónimo) disse...

O efémero do eterno.
Em nós.
Bjs

. Paulo . Intemporal . disse...

. "quanto tempo tem o tempo ?" .

. um momento, um conjunto intemporal de momentos, que definem o breve conceito da felicidade .

. lacónica, na passagem dos dias .

. "amei.de.amar" . marta .

. deixo um beijo, sempre sentido .

Graça Pires disse...

Dois belos poemas sobre o tempo e sobre o amor. A propósito do tempo gosto de citar a Fiama "guardado no silêncio mais espesso o tempo faz e desfaz a vida".
Um beijo.