terça-feira, outubro 27, 2009

TEMER

A HORA MAIS EXACTA

Imagens
que voltavam devagar,
se encostavam a ela sem pudor.
E no silêncio, a esfinge impenetrável,
sabendo-lhe de cor o coração:
desistente dos barcos,
depondo pelo chão de outros palácios
as armas mais preciosas.
“Não posso”, acrescentara
sentindo aproximar-se a hora
exacta.

de Ana Luisa Amaral

O meu comentário???
A hora exacta para quê???
Desistir da vida,
por não se ter encontrado o tal palácio...
Aquele sobre o qual se lê
nas histórias de crianças...
Os reinos de fantasias que
ficam sempre escondidos no coração..
Talvez porque a realidade é exactamente o oposto...
Não há horas exactas...
Há apenas horas....
As felizes
quando as conseguimos partilhar...
As amargas quando desabamos
e somos confrontadas com uma solidão que tememos...

7 comentários:

Jacarée disse...

"A HORA MAIS EXATA"

Imagens de lembranças Ideias, realizações e sonhos de criança.
Imagens únicas, beleza...
Procuramos a surpresa na incerteza, onde mora...talvez na beleza... talvez na inspiração...na transcendência...
Somos SERES inacabados não por perguiça, mas por sermos limitados

Que o Sol brilhe e te ilumine.
Bjs e borrifes de Jacarée

Miguel Ferreira disse...

E nessa "solidão" a experiência para ser mais forte...

São essas horas e momentos que nos vão colorir os dias.

Gostei

Je Vois la Vie en Vert disse...

Desistir da vida ? Não , pelo contrário !
De novo, estamos com transmissão de pensamentos....

Un autre défi. Tu veux participer ? Mais cette fois-ci, si tu veux, tu le postes sur ton blog et je mettrai une info sur le mien.

Bisous

Verdinha

pin gente disse...

é uma aprendizagem!

beijos

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Néctar da Flor é um blog que sempre soube receber e retornar seus comentários. Nunca deixamos ninguém, por motivo algum, no silêncio de uma visita quando vem à nossa página. Por esse motivo queremos presentear todos os amigos, que assim como nós, sabem acolher qualquer pessoa que chega com gentileza na sua casa virtual. Sem recriminação, sem preconceito, sem frescura.



Simplesmente porque:



Acolhe com o coração!



Beijos jogados no ar, sempre!



-

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Marta,

Esse abraço em palavras foi lido com aquele carinho.

Beijo grande, menina linda.

Rebeca

-

AnaMar (pseudónimo) disse...

O Tempo sem horas (in)certas.
Bj