sexta-feira, junho 14, 2013

INFINITO







TELA DE JOHN WILLIAM WATERHOUSE


Fala-me

sobre o infinito....



Sobre o que ninguém vê aqui,

neste lado da luz ...


4 comentários:

Nilson Barcelli disse...

Mas é bem difícil falar do infinito e do que não se vê... embora muita gente fale do que não vê nem sabe...
Marta, tem um bom fim de semana.
Beijo.

LUZ disse...

Olá, Marta!

Provavelmente, o tal infinito tem ainda mais luz.

Beijos.

Luzes e Luares. Obrigada!

Daniel Costa disse...

Amiga Marta

Cabe perguntar, onde está o finito do infinito?
Poucas palavras, mas muita poesia há nelas-
Bjs

Sofá Amarelo disse...

Falar sobre o infinito é falar sobre o que há no outro lado da luz, com certeza um paraíso de palavras e e sensações que não é dado ao comum dos mortais ver deste lado...