quarta-feira, maio 07, 2014

DOR

Da Página “Discover Art”
                                   


Palavras?
 
Não tenho palavras
 que libertem
esta dor...
 
De ter sido,
um dia,
perfeita...
 
Ter dado voz
ao sonho, 
esquecida
do tempo...
Que, agora 
até o meu nome apaga...

4 comentários:

Daniel Costa disse...

Marta

Se há dúvidas, não é na mulher a imagem duma flor. A mulher é por excelência flor do poeta,
Beijos

© Piedade Araújo Sol disse...

nem sempre tudo se apaga....

algo fica e perdura, nós é que não sabemos.

:)

Daniel C.da Silva (Lobinho) disse...

...e, porém, somos nós quem faz o próprio tempo...

beijo amigo

Sofá Amarelo disse...

A vida tem fases várias, tal como as palavras têm diferentes significados. Há palavras perfeitas se forem ditas pelos lábios correctos, tal como há sonhos esquecidos na voz de um tempo que teima em libertar as dores da memória...