segunda-feira, dezembro 15, 2014

DECLARO






Esta noite,
as palavras declaram-se...
Tranquilamente...
Como o pôr-do-Sol...



TELA DE S HARDING

4 comentários:

Daniel Costa disse...

Marta

Para o solilóquio das palavras, nada como, realmente, aguarda pôr - do - sol.
Beijos

Sofá Amarelo disse...

O Pôr-do Sol só por si já é uma declaração... nem que seja uma declaração do Sol a dizer que por este dia se vai resguardar para voltar com toda a sua pujança, com todo o seu brilho na manhã seguinte...

Nilson Barcelli disse...

Palavras maduras...
Faço votos para que tenhas umas Festas Muito Felizes, querida amiga Marta.
Beijo.

Ailime disse...

Boa tarde Marta, e as suas palavras são tão belas e inspiradas que resultam sempre, como neste caso, em magníficos poemas!
Muito obrigada pela visita e votos!
Desejo-lhe também Festas Felizes!
Beijinhos,
Ailime