sábado, dezembro 13, 2014

LONGOS E SOMBRIOS



Ah,
esses dias felizes
em que dominávamos o Mundo...
E nada sabíamos sobre memórias...
Hoje,
os dias são longos e sombrios...
O Mundo é agitado e egoísta...
E eu...
Não me reconheço e naufrago
nas memórias desse tempo,
em que a minha palavra era lei...




DA PÁGINA “DISCOVER ART”

7 comentários:

Nilson Barcelli disse...

Tudo vai mudando.
Umas coisas para pior, mas outras para melhor...
Belo poema, gostei imenso.
Tem um bom fim de semana, querida amiga Marta.
E um FELIZ NATAL.
Beijo.

Agostinho disse...

Em dias de outono
a certeza do inverno
quase a chegar...
o que nos vale é o quente
da fornalha da memória.
Esperemos pela maré:
a primavera virá
num botão de rosa tingida
de fragâncias e paixão.

Daniel Costa disse...

São as memórias Marta, que na mente dos poetas têm vida. Vida que fica assinada, para que não se diga um dia: todo o mundo emudeceu!
Daniel

Ailime disse...

Boa noite Marta, lindo!
Memórias de tempos em que ainda nem sonhávamos com um outro mundo que nos seria tão adverso.
Tenhamos esperança!
Beijinhos e boa semana.
Ailime

Sofá Amarelo disse...

Tempos felizes que voaram com o tempo, deixando um rasto de memórias envoltas em dias felizes...

Graça Pires disse...

Naufragamos nas memórias do tempo mágico da infância, cada vez mais longínqua... Muito belo, Marta.
Um BOM NATAL e um beijo.

Lídia disse...

OLÁ AMIGA
PASSEI PARA DESEJAR BOAS FESTA E FELIZES!!!

1 BEIJINHO LÍDIA