quinta-feira, maio 18, 2017

IMPERFEITOS




Talvez…
Talvez sejamos imperfeitos,
até mesmo vulgares…
Mas não deixes que isso
empobreça a vida…
Porque sabes,
e eu sei também…
Que nos amamos loucamente...




"ROMANCE WITH A CHIMERA" DORINA COSTRAS

4 comentários:

Franziska disse...

Siento no conocer tu lengua porque sé que me estoy perdiendo conocer a muy buenos poetas, esoss que tienes la gentileza de compartir con tus lectores. Parabens ¿Se dice así? Ha sido un placer la lectura del poema. Franziska

Sofá Amarelo disse...

Que importa ser imperfeito, que importa ser vulgar... para o Amor tudo isso são pormenores sem importância, porque até o próprio Amor não é perfeito...

Ailime disse...

Boa tarde Marta,
Que poema tão belo.
É o amor que prevalece acima de todas as imperfeições.
Beijinhos e bom domingo.
Ailime

Graça Pires disse...

O amor. O verso e o reverso do coração...
Belo, Marta.
Uma boa semana.
Um beijo.