quinta-feira, abril 19, 2018

MAR REVOLTADO





Hoje,
as palavras afastam-se de mim…
Deixam-me só, à deriva
Num mar revoltado,
talvez magoado
pelos meus silêncios…




IMAGEM DE DORINA COSTRAS

9 comentários:

Larissa Santos disse...

Triste mas lindo:))

Hoje:- O que a alma quer dizer.

Bjos
Votos de uma Óptima Quinta-feira

Cidália Ferreira disse...

Sentido!!

Beijo e um excelente dia.

Manuel Veiga disse...

um silêncio eloquente
gostei. deveras!

Maria Rodrigues disse...

Quantos mares revoltados vamos tendo de ultrapassar na vida.
Nostálgico e belo poema
Beijinhos
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

SILO LÍRICO - Poemas, Contos, Crônicas e Outras disse...

Ah Marta, o teu mar revolto está maravilhoso! Deixa que ele te deixe em paz. Lindo poema! Parabéns! Abraço amigo. Laerte.

Jaime Portela disse...

As palavras fazem-nos isso de vez em quando...
Magníficas palavras, parabéns.
Bom fim de semana, querida amiga Marta.
Beijo.

Gil António disse...

Poema e imagens num fabulosa conjugação divina.
.
* Criança brincando ... em interno lamento. *
.
Cumprimentos poéticos.

© Piedade Araújo Sol disse...

se o silêncio magoa
então grita bem alto
nem que seja só para o dia...

bom fim de semana.

beijinhos

:)

Sofá Amarelo disse...

Quando há silêncio as palavras calam-se e afastam-se... mesmo que não queiram, só que por vezes o mar revolto deixam as palavras à deriva...