terça-feira, maio 08, 2007

DESAPARECER

E roda a melancolia
seu interminável fuso!
Não me encontro com ninguém
(tenho fases como a lua...)
No dia de alguém ser meu
não é dia de eu ser sua...
E, quando chega esse dia,
o outro desapareceu...
Lua Adversa (excerto) de Cecília Meireles

O meu comentário???
Deixar que a melancolia controle a vida....
Fechar portas, janelas,
deixar que a vida seja um colete de forças....
Dominar com frieza....com crueldade...
A vida não pode ser assim............
Tem fases como a Lua....
a vida e isso negar não posso...........
Mas porque não aproveitar
o melhor de cada fase e
não deixar que o amor nunca desapareça...........

5 comentários:

Lia disse...

Tal como a lua tem fases, o mar tem as suas marés, o amor e a vida também os têm...
Mas tal como o mar, quer seja maré alta ou baixa tenta sempre beijar a areia, também nós devemos procurar sempre atingir os nossos sonhos...

Um beijo

Rosa Maria disse...

Como sempre, os teus comentários deixam-me com um sorriso...
Fica um beijo

Juda disse...

Belas palavras... por vezes não desaparece... um abraço...

ContorNUS disse...

deixo-te umas palavras de afecto, num sentimento de aconchego ao côncavo dos teus segredos.Para que eleves a esperança num sorriso de victória

Alvaro Gonçalves disse...

Oi meu anjo,

É sempre com grande alegria que aqui venho, pois em cada visita encontro palavras que fazem pensar muito sobre a vida, e sobre cada um de nós.
Obrigado.
Desejos de bom fim de semana e uma semana cheia de paz.
Bjokas mil e xi - corações.