quinta-feira, julho 17, 2008

SER SIMPLEMENTE

A minha história





A minha história é simples
A tua, meu Amor,
É bem mais simples ainda:
"Era uma vez uma flor.
Nasceu à beira de um Poeta..."
Vês como é simples e linda?
(O resto conto depois;
Mas tão a sós, tão de manso,
Que só escutemos os dois.)





Sebastião da Gama, Cabo da Boa Esperança


O meu comentário???

Histórias que partilho apenas contigo...

Simples segredos...

nem chegam a ser segredos...

O beijo desejado

e dado com sentimento nos lábios...

O riso cúmplice e feliz....

Dizer tudo e nada....

Porque tudo faz sentido......

5 comentários:

Só Eu disse...

Este poema do Sabastião da Gama é tão comoventemente simples e directo.
Muito boa escolha Marta (certo, mais uma vez).
Quanto ao eu gostar, claro!
Beijinhos

Multiolhares disse...

Quando se olha olhos nos olhos
Tudo faz sentido, mesmo em silencio
beijos

titofarpas disse...

Está fantástico, tocante...
Parabéns

daniel disse...

Marta

Mais Sebastião da Gama, com um pensamento de alcance, que voltas a tecer um comentário, que se adequa perfeitamente.
Daniel

Xinha disse...

Marta,
Gostei essencialmente da última parte "...O riso cúmplice e feliz....Dizer tudo e nada....Porque tudo faz sentido......"

Lindooo!


Xi-coração