quarta-feira, novembro 27, 2013

BEIJAR AGORA








Memória do beijo” de Francisco Santos


Se te beijar agora,
o que dirás?
Afastas-me,
impaciente,
contrariado?
Ou beijas-me
também?
Com paixão?
Com prazer?
Ou sem nada
confessar,
porque um beijo
é somente um beijo?






6 comentários:

Sofá Amarelo disse...

Beijar, beijar sempre... e muito! O beijo é 'apenas' o princípio de tudo, só faz sentido chegar ao prazer e à paixão se tudo começar com um... beijo! Porque o beijo nunca afasta, nunca contraria, nunca impacienta... um beijo é somente um beijo! :-)

Amita disse...

Olá Martinha
Como foi difícil chegar até aqui!
É a primeira vez que entro num blog do Google+ .
Ainda continuas com o "A Marta e Eu"?
Gostei de te ler, como sempre.
Quanto ao "beijo" muito poderia dizer :), contudo há beijos... e beijos...
Um bjinho e uma flor desta tua amiga

Daniel Costa disse...

Claro Marta, um beijo é apenas um beijos, mas e muitos casos a troca de beijos tem muita sensualidade à mistura.
Beijos

© Piedade Araújo Sol disse...

um beijo pode ser (e é) tanto....


:)

Ailime disse...

Olá Marta, um beijo num poema genial! Sempre em crescendo a sua inspiração. Beijinhos Ailime
http://cantomeu-ailime.blogspot.pt/

Nilson Barcelli disse...

Só beijando é que se sabe as respostas...
Belo poema, gostei como sempre.
Marta, minha querida amiga, tem um bom fim de semana.
Beijo.