quarta-feira, julho 30, 2014

PALAVRAS DE AMOR



Fala-me das palavras
Das palavras de amor
Não as que todos repetem
Mas as que sentes na alma
e me segredas ao ouvido
para que ninguém as copie...




TELA DE HOLLY HOPE BANKS

5 comentários:

Graça Pires disse...

Falar de amor. Dizer o sabor das palavras mais secretas...
Muito belo, Marta.
Um beijo.

Sofá Amarelo disse...

As verdadeiras palavras de amor nunca podem ser copiadas porque são únicas, são irrepetíveis, são sentidas na alma e segredeadas ao ouvido... impossível copiar!

Daniel Costa disse...

Marta

As verdadeiras palavras de amor não nascem mesmo de frases feitas, mas de um sentir nobre e profundo.
Beijos

Agostinho disse...

Mesmo que desenhadas com as mesmas letras, mesmo as mais pirosas, são.

Nilson Barcelli disse...

Por incrível que pareça, as palavras de amor podem ser originais...
Belo poema, gostei imenso.
Marta, tem um bom fim de semana.
Beijo.