sábado, fevereiro 14, 2015

DESAPAIXONADA



Hoje
não sei o que escrever
neste capítulo da minha vida...
Prendo as palavras em mim
Dilaceradas, destroçadas,
sem que mostrem qualquer sinal de paixão...
Porque hoje...
eu estou desapaixonada...


De CindysArt (Arte Digital)

4 comentários:

Daniel Costa disse...

Marta

Desapaixonados pode ser tempo de reflexão, para sentir bem a paixão, para ela nunca nos abandonar.
Beijos

Sofá Amarelo disse...

Temos direito de estar desapaixonados quando a vida nos destroça e dilacera as palavras, mas há que procurar sempre um sinal de paixão nas escritas que são os capítulos da vida...

Graça Pires disse...

Podem falhar as palavras. Mas não falha a paixão pelas palavras. Apesar de parecer... Belo, Marta.
Um beijo.

Ailime disse...

Boa noite Marta,
Penso o mesmo que a Graça, só que por palavras mais simples!
O importante é a paixão com que solta as suas palavras!
Belo poema!
Beijinhos,
Ailime