sábado, maio 02, 2015

NOITE




A noite...
O que posso eu dizer sobre a noite?
Se dou voz aos meus desejos,
envolvo-me na sua sensualidade
e me torno exótica...



TELA DE PINO DAENI

5 comentários:

Sofá Amarelo disse...

À noite tudo é possível pois a noite é a verdade, a altura em que os desejos se envolvem com a sensualidade para dar voz à intimidade...

Ailime disse...

Boa tarde Marta,
Lindo poema!
No silêncio da noite tudo fica mais perceptível!
Beijinhos e bom domingo,
Ailime

Daniel Costa disse...

Marta, a bruma da noite, só por si,é um convite ao exotismo.
Beijos

Graça Pires disse...

A noite:o lugar de todas as cumplicidades.
Muito belo este poema, Marta.
Beijo.

© Piedade Araújo Sol disse...

a noite é a magia dos sonhos e do amor...

:)