sábado, agosto 02, 2008

MEL

Os primeiros trabalhos

São os trabalhos de sedução.


Dizer aos barcos para atracarem junto aos morangos;

dizer aos lábios

para chegarem em primeiro lugar

as secretas notícias, ao prazer do açúcar, ao aveludado chocolate dos seios

à

parte animal das imagens,

aos textos escritos,

são por certo

um dos

primeiros ofícios do poeta.


Ou talvez até

O princípio...


O princípio da sedução


Fernando Manuel Noivo (Livro "O princípio da sedução")


O meu comentário???


Prazer que escorre como o mel...


Na nudez aveludada...


Não só dos seios...


Mas do corpo em si....


Deixar que a pele fale....


Se escute realmente o que tem para dizer...


Numa sedução perfeita...


De quem quer...


Amar e ser amado realmente.......

6 comentários:

daniel disse...

Marta

Gostei do poema de Fernando Manuel Noivo de que não conhecia nada. Falo com o seu toque de sensualidade. O teu comentário parece-me adequado.
A tua ideia, reiterada, redunda num exercício curioso.
Daniel

Só Eu disse...

Marta.
Mais um texto lindissimo deste meu novo autor, enriquecido por um comentário duma já "velha" autora.
A continuares assim ainda me vais fazer gostar de Adolfo Casais Monteiro...
Beijinhos (passados a pente fino...)

Fátima André disse...

Marta,

Obrigada por estes pedacinhos deste autor que desconhecia por completo. Gostei muito. Assim como gosto sempre das tuas palavras.
Um abraço :)

Ácido Cloridrix HCL disse...

Convidamos-te a participar em mais um desafio sobre Sexo.
Desafio: Faça a sua “Bucket List” sobre Sexo. Liste as 5 coisas ou fantasias sexuais que gostaria de fazer, no que respeita a sexo, nesta vida, antes de morrer. Para quem pretenda aceitar o “desafio”, sugerimos se concentre sobre a questão e responda antes de ler os comentários dos outros intervenientes. Gratos antecipadamente pela participação,,,, HCL e H2Oh!
Link: http://sexohumorprazer.blogspot.com/2008/08/faa-sua-bucket-list-sobre-sexo.html

RENARD disse...

Martinha:


Talvez o primeiro ofício do poeta e da qualquer que escreve é a sedução. Seduzir quem lê, até nos amarem pelas nossas palavras. :)

Obrigada pelo chá

Beijinhos tribais

Alexandre disse...

Vou de novo ao ponto de dizer que o comentário ainda está mais «forte» que o poema...